TOP COMENTARISTA DE ABRIL

TOP COMENTARISTA DE ABRIL
Seu comentário pode te dar o livro "Ninfeias Negras", clique na imagem para saber como participar! E quanto mais você comentar, mais chances tem de ganhar!

quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Resenha: livro "Melancia", Marian Keyes

   Olá pessoal, tudo bem? O livro da resenha de hoje é "Melancia", escrito pela irlandesa Marian Keyes.
Resenha, livro, Melancia, Marian Keyes
   "Melancia" conta a história de Claire, ela tinha 29 anos, morava em Londres com seu marido, ia ter um bebê e tinha uma vida aparentemente feliz. Mas, logo após o parto, seu marido James lhe disse que tinha um caso com outra mulher a mais de seis meses e que estava abandonando Claire.
   Então Claire se viu sozinha, com uma filha recém-nascida nos braços e um corpo parecendo uma melancia; ela ficou arrasada, atordoada, e decidiu ir para a casa de seus pais, em Dublin, Irlanda. É lá que a maior parte da história acontece.
   É jundo com seu pai, sua mãe, suas duas irmãs mais novas (Helen e Anna), que Claire vai tentar "colocar a cabeça no lugar", digerir toda aquela situação.
   Claire sofre muito, vai até o fundo do posso, até conseguir dar a volta por cima. Mas não pense que esse é um livro triste, muito pelo contrário, fazia tempo que eu não ria tanto quanto ri lendo "Melancia". A Claire conta tudo de uma forma engraçada, fala exatamente o que ela está sentindo e passa por cada situação hilária.
   Gostei muito da família da Claire, por mais que eles tenham suas diferenças e excentricidades, é uma família que acolhe Claire no momento em que ela mais precisa e faz o que pode para ajudá-la.
   Eu já havia lido algumas resenhas desse livro que diziam que a Claire era uma chata e que ficava o livro inteiro reclamando. Eu não achei isso, qualquer pessoa que passasse pelo que ela passou se sentiria assim. Imagine: sua vida parece perfeita e de repente seu marido te abandona sem nem ao menos ir conhecer a filha que acabou de nascer e vai viver com uma outra mulher que nem sequer parece melhor que você. É ou não é complicado?
   Foi isso que James fez com Claire. Como ela diz em várias partes do livro, achei ele um grande um filho da p@#* da mãe. Tem uma música chamada "Não fui eu" que a Paula Fernandes lançou recentemente que parece que foi feita para a Claire cantar para o James:
"Ei, escuta, para de agir feito criança
Escuta, sinto em te dizer, mas foi você quem procurou
Quem partiu um coração, não fui eu
Ei, escuta, tudo nesse vida tem seu preço
Escuta, se chegou a hora de colher o que plantou
Você mesmo quem regou, não fui eu
Não fui eu
Eu sei o que dirá
Vai me culpar
Por um erro seu
Se alguém me perguntar
Irei dizer que não fui eu
Não fui eu..."
   Em resumo: achei "Melancia" divertidíssimo, amei e torci muito pela Claire; acho que ainda não disse que melancia é uma das minhas frutas preferidas, o livro foi "igualmente" delicioso. Ele tem quase 500 páginas, não dá para ler rapidinho, mas eu não tinha vontade de parar de ler.
   Com Claire aprendemos que não devemos aceitar que joguem com a gente, que tentem nos manipular, que não devemos mudar nosso jeito de ser para manter uma relação. 
   Gostei muito do humor e da forma que a Marian Keyes escreve, estou louca para ler os outros livros dela. Imaginem a minha felicidade ao saber que "Melancia" é o primeiro livro da série "Família Walsh", tem mais quatro, um sobre cada irmã da Claire.
   Alguns trechos:
   "- Deve haver alguma coisa terrivelmente errada com ela - declarei ao jovem com aspecto exausto que era o médico. -Ela não pode estar com fome e não está (eu ria, levemente, enquanto dizia isso) "suja", mas não para de chorar.
   - Bem, nós a examinamos e não há nada, absolutamente nada errado com ela, até onde posso observar - ele me explicou, com paciência.
   - Mas por que ela está chorando?
   - Porque é um bebê - respondeu. - É isso que eles fazem. Ele estudara medicina durante sete anos e essa era a explicação que tinha para dar?" (página 31)
   "- E Anna. Não seria Anna se seu aspecto fosse diferente.
   - Eu sei - suspirou mamãe. - Mas que roupas! Tenho certeza de que os vizinhos pensam que não vestimos nossas filhas. Ela parece uma sucateira ou algo parecido. E aquelas botas! Tenho vontade de jogá-las no lixo.
   - Ah, não, mãe, por favor, não faça isso - disse eu, ansiosamente, pensando que Anna ficaria desesperada sem as Doc Martens que ela tão caprichosamente pintara com auroras e flores.
   Devo admitir que também fiquei levemente preocupada quanto aos sapatos que Anna usaria se suas botas fossem jogadas fora.
   Temi pelos meus." (página 127)
   "As pessoas estão sempre encorajando-se mutuamente a fazer coisas que sabem que a outra pessoa não fará. E, depois, levam o maior choque quando a pessoa realmente faz." (página 241)
   "Relacionamentos frustrados podem ser descritos como muita maquiagem desperdiçada." (página 352)
   "Sabia que fizera a coisa certa. Pelo menos pensava ter feito. Mas acontece que aquilo era a vida real, e nenhuma decisão era inteiramente clara. Não é como virar no lugar certo e conseguir a felicidade para sempre ou virar no lugar errado e sua vida se transformar num desastre. Na vida real, muitas vezes é quase impossível dizer qual a decisão que se deve tomar, porque o que se ganha e o que se perde muitas vezes são equivalentes." (página 439)

   A edição que li é uma edição de bolso, da editora BestBolso. As folhas são brancas e as letras e margens são pequenas, mas consegui ler confortavelmente. A edição normal é da editora Bertrand. A capa das duas edições é semelhante, achei lindo o tom de verde e gostei da fonte usada no nome do livro e da autora.
   Sobre: 490 páginas, ISBN: 9788577991655, Editora: BestBolso, página no Skoob, site da autora. Onde comprar online: Saraiva, Submarino.

   E aí, gostaram da resenha? Quem já leu o livro? Concordam com a música que eu escolhi?
   Ah, falta pouco para acabarem as inscrições para o sorteio de um vale compras de R$100,00 na loja Menina de Palavra + 2 Cds, inscrevam-se clicando aqui.
   E tem muitos livros novos e por um preço ótimo na Livraria Pétalas de Liberdade, vejam clicando aqui.
Me acompanhem nas redes sociais:  twitter: @marijleitefacebook | G+SkoobGoodreadsBloglovin (receba os posts do blog no seu e-mail)| InstagramFlickrLivraria Pétalas de Liberdade. 

14 comentários:

  1. Nunca li este livro, quem sabe ainda leio
    http://www.jeitosimplesdeser.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Núbia, obrigada pela visita e comentário!

      Excluir
  2. Gostei muito da resenha, seria ótimo se tbm tivesse filme

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kassya, acho que essa história daria mesmo um bom filme! Obrigada pela visita e comentário.

      Excluir
  3. Já ouvi falar muito desse livro e também já li várias resenhas legais como a sua! Vou ver se dou um jeitinho de ler >3< Beijos, Djêni.

    Enquanto Isso

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Djenifer, muito obrigada pela visita e comentário.

      Excluir
  4. Olá!
    Entendo perfeitamente que a protagonista seja chata e reclame de tudo. Quem não ficaria frustrado numa situação dessas? O que me decepcionou foi não ter encontrado o lado engraçado da história. Supostamente, deveria haver um, já que esse gênero é sobre rir das próprias desgraças. Enfim... achei mediano. Não odiei como a galera do LV (tanto que li mais 2 da autora depois disso), mas também não achei divertido.
    bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Michelle, é interessante como um mesmo livro pode despertar opiniões diversas em várias pessoas, não é? Eu achei "Melancia" muito engraçado, ri muito; já outro livro nesse estilo que todo mundo diz que é engraçado, eu li e não achei graça. Pretendo ler os outros livros dessa autora futuramente. Muito obrigada pela visita e comentário.

      Excluir
  5. Sua resenha ficou ótima, flor, sempre ouço bons comentários sobre esse livro. beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, que bom que você gostou, obrigada pela visita e comentário.

      Excluir
  6. Muito bem resenhado o livro, gostei da capa parece até de verdade esta melancia...
    Beijos
    http://meninadivadamodaoficial.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luana, que bom que você gostou, obrigada pela visita e comentário.

      Excluir
  7. Tua resenha me lembrou que este é um livro que já queria ter lido... algumas amigas já tinham me recomendado e também gostado. Legal ver uma situação ruim encarada com toques de humor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fernanda, eu também já queria ler "Melancia" faz tempo, e não me arrependi de lê-lo agora. Muito obrigada pela visita e comentário.

      Excluir

Obrigada por comentar :)!!! Sua opinião é muito importante para mim.
Leio todos os comentários, mesmo que nos posts mais antigos. Responderei seu comentário aqui nesse mesmo post. Tem um blog? Deixe seu link que visitarei sempre que possível.
*comentários ofensivos serão apagados