Resenha: livro "Maior que Tudo", A. J. Ventura

 Olá pessoal, tudo bem? O livro da resenha de hoje é Maior que Tudo, escrito pela A. J. Ventura e publicado em e-book na Amazon.

Resenha, livro, Maior que Tudo, A. J. Ventura, ebook

 Narrado em terceira pessoa, o livro conta a história de Anna, uma brasileira que, aos 26 anos, morava em Nova York, dividia um apartamento com sua melhor amiga, quase uma irmã, Pat. As duas eram professoras em um curso de idiomas, além de darem aulas particulares.

 Anna gostava muito de ir ao teatro, numa dessas idas, ela conheceu Joel e ficou encantada por ele. Mas ela não se achava o tipo de mulher por quem um homem tão bonito se interessaria. Anna sempre esteve acima do peso, por isso, teve poucos relacionamentos, de forma que ainda era virgem.

 Por obra do destino, Joel e ela voltaram a se encontrar e, para surpresa e felicidade de Anna, Joel havia sim ficado muito interessado por ela, tanto que propôs um acordo: ele seria o seu primeiro homem e lhe ensinaria tudo sobre sexo, mas desde que ela não esperasse que a relação dos dois se transformasse em um namoro ou que houvesse um sentimento mais forte entre eles. Joel era muito misterioso, um advogado que vivia viajando.

 Se era isso que ele tinha para oferecer, Anna aceitou, mas ela já estava apaixonada por Joel. E é entre as idas e vindas do casal que a história se desenrola, com Anna tentando descobrir por qual motivo Joel não quer um relacionamento com ela: ele teria vergonha de seu peso, seria casado ou, quem sabe, um criminoso?

 "Não poderia ser mais irônico. Um homem que Anna adoraria prender pelo estômago teria que cozinhar, para que ela não passasse fome." (página 73)

 Quando a autora entrou em contato comigo, perguntando se eu gostaria de ler e resenhar Maior que Tudo, a ideia que eu tinha do livro era bem diferente do que ele realmente é. Pela capa coloridinha, eu espera um chick-lit bem leve, mas a história é mais que isso.

 Uma mistura de chick-lit com romance erótico, Maior que Tudo é uma história divertida, bem construída e uma boa leitura, que me surpreendeu ao fugir do clichê: o segredo de Joel, a justificativa para as ações dele, foi algo que eu não poderia prever, o que fez com que eu gostasse mais dos personagens e admirasse a criatividade da autora. Acho que se mais pistas sobre esse segredo tivessem sido dadas ao longo da trama, se houvesse um foco maior no personagem Joel, já que a narração era em terceira pessoa, a história poderia ter ficado ainda mais interessante e eu não teria ficado tão desconfiada sobre ele, mas teria me apaixonado pelo Joel bem antes do final, onde me vi super conectada aos personagens.

 "Sem problemas, sem notícias do mundo e sem influências externas, qualquer relacionamento pareceria perfeito, mas ela sabia que não havia tal coisa e que dentro do mundo real, o que eles tinham não podia ser chamado de relacionamento, muito menos considerado perfeito." (página 79)

 Algumas vezes, fico com um pé atrás quando um autor nacional decide ambientar sua história em Nova York, mas no caso da  A. J. Ventura, o resultado foi muito bom, ela construiu um bom cenário para a trama.

 "- Mas Anna, isso tudo faz parte de qualquer relacionamento. Você tem que fazer sua parte e esperar que ele esteja na mesma página que você. Que queira o que você quer. A gente só entra em um relacionamento sem bagagem nenhuma, uma vez. Depois disso, a gente sempre carrega os fracassos, acertos, erros e mágoas do passado. Você não sabe o que ele tem de bagagem, o que ele já passou. Vocês precisam se conhecer melhor. Combinar, ser bom na cama é ótimo, mas infelizmente não é tudo. Vocês precisam saber se combinam fora dela também." (página 96)

 Maior que Tudo é o primeiro livro da série In love in NY, o segundo vai contar a história da melhor amiga da Anna, a Pat, e se chamará Mais Forte que Tudo. O lançamento de  Mais Forte que Tudo na Amazon está previsto para amanhã! E a querida A. J. Ventura fez uma coisa super legal: colocou Maior que Tudo para ser baixado gratuitamente até amanhã!!! E eu super recomendo que vocês baixem, é só clicar aqui. Dá para ler no computador, no celular ou no tablet, é só baixar o aplicativo de Leitura Kindle gratuitamente, lá na Amazon explica tudo direitinho.

 Detalhes: 286 páginas, página no Facebook, Skoob. Onde comprar online: e-book na Amazon.

 Por hoje é só, espero que vocês tenham gostado da resenha. Alguém aí já conhecia o livro? Baixem, leiam e depois me contem se gostaram.

Até o próximo post!

Me acompanhem nas redes sociais:
 twitterfacebook | G+SkoobGoodreadsBloglovin (receba os posts do blog no seu e-mail)| Instagram.
18 comentários via Blogger
comentários via Facebook

18 comentários

  1. Nunca li um chick-lit apesar de ter vontade, gostei da sua resenha me deixou bem curiosa e pensativa, a premissa não me deixou instigada mas a capa achei bem legal ( sou do time das gordinhas então ja sabe o motivo né? kk ) parabéns pela resenha.

    http://mylittlegardenofideas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Que legal ver uma resenha desse livro aqui. Eu baixei ele no site da Amazon acho que ontem. E estava com uma ideia dele bem parecida com a sua. Bom saber que o livro é bem mais que isso. Fiquei até mais animada para ler.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  3. Oi, tudo bem?
    Eu não conhecia esse livro e apesar de não curtir muito leituras mais hots achei a premissa dele interessante!
    Fico feliz que tenha gostado e vou procurar na Amazon para baixar, quem sabe não gosto!

    Beijo :*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  4. Nossa que legal essa personagem principal, bem fora dos padrões e bem parecida comigo, até esse começo se pareceu com algo que aconteceu comigo uns tempos atrás HAHAHA. Irei ler só para ver como termina!

    Beijos,
    http://www.girlbeinggeek.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oiii,
    Amei a resenha, fiquei super interessada no livro, nem imagina que a história fosse tão interessante assim, já anotei a dica.
    Beijos.


    http://www.adorkable.com.br/2015/05/resenha-lista-do-nunca.html?showComment=1432346659761#c943274573926672930

    ResponderExcluir
  6. Oi. que bom que você não considerou um livro um clichê e leitura. Então, você fica com o pé atrás quando o autor nacional ambienta a história fora do país, eu já não curto muito. Infelizmente, o enredo não faz meu estilo, então deixarei passar essa dica.
    http://www.poesianaalma.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Olha eu não sou muito chegada em livros eróticos, mas eu até me arriscaria a fazer a leitura por causa do chick lit, porque estou começando a comprar livros desse gênero. Mas eu gostei de tudo que você contou sobre a história e fiquei bastante interessada, só que o problema que agora eu estou sem dinheiro, mas assim que puder, com certeza irei adquirir !

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/05/resenha-estudo-independente.html

    ResponderExcluir
  8. Oi,
    eu já to baixando o livro hahaha, adorei a proposta dele , bem intensa além de ser um erótico. Eu sempre leio ambos gêneros, desde dos mais leves aos mais pesados, acho que devemos estar aberta a todas as opções. Bom, eu não tenho o que falar da resenha, simplesmente amei tudo hahahah
    bja
    http://teoremasdamimosa.blogspot.com.br/2015/05/entre-nos-entrevista-com-barbara-negrao.html

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia esse livro, fiquei interessada em conhecer. A Proposta é bem diferente. Amei sua resenha!
    www.thunderwave.com.br

    ResponderExcluir
  10. Não conhecia o livro, mas adorei saber sobre o gênero dele, adoro chick lit, ainda mais com uma pegada erótica, deve ter sido uma leitura muito boa mesmo.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  11. Nossa, a história parece ser muito legal! Sendo a protagonista acima do peso, e ainda virgem, isso gera bastante coisas legais de se trabalhadas e qual esse segredo de Joel?? Cara, me lembrou um pouco "50 tons", deve ser bem diferente, mas lembra, né? Bom, adorei sua resenha, muito bem escrita e desenvolvida!! Parabéns!

    Abraços e até!

    PS: Não deu para baixar o livro, cheguei tarde... :(

    lendoferozmente.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Oi, como está?
    Confesso que assim que comecei a leitura da sua resenha fiquei com o pé atrás, achando que seria mais um dos muitos clichês que temos por aí, e realmente fiquei bem feliz em descobrir que não é!
    Já fiquei curiosa para saber qual é o segredo do Joel e que fim terá o casal, além de estar mais curiosa ainda por ter ser um livro nacional.
    Já anotei a dica e pretendo ler em breve, beijão!

    ResponderExcluir
  13. Oi Maria, tudo bem?
    Não me importo com clichés, mas gosto quando um livro foge deles.
    Maior que tudo parrce um livro que eu iria gostar bastante, mas já estou com uma fila de e-books para serem lidos, então terei que esperar.
    Bjs

    A. Libri

    ResponderExcluir
  14. Oiie!!
    Não conhecia o livro e gostei só pela capa. Parece ser bem levinho de ler e isso foi o que mais me atraiu. Com certeza é um livro que eu iria gostar e muito.
    Brubs
    O Diário do Leitor

    ResponderExcluir
  15. Olá, tudo bem?
    Adorei a premissa do livro! Adoro quando a protagonista não é um modelo de beleza! Além disso, amo chick-lit. Pena que já não está mais gratuito na Amazon :(
    Mesmo assim, espero poder ler o livro em breve.
    Super beijos <3
    http://livros-cores.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Olá,
    Chick-lit já entrou na minha lista de gêneros favoritos, adorei a premissa do livro.
    O que me deixa triste é o fato de ser e-book, não leio nesse formato.
    Sabe me dizer se existe ou vai existir no formato impresso?

    Coração Leitor

    ResponderExcluir
  17. Oie, tudo bom?
    Pena que perdi a oportunidade de baixar o ebook gratuitamente, mas fiquei com vontade de conhecer a história. Gosto tanto do gênero erótico quanto gosto de chick-lit.
    Já até salvei a página aqui porque pretendo comprar esse ebook para conferir a narrativa.
    beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oi Mari, tudo bem?
    Não gostei muito da história não, sei que se lesse seria uma decepção, não gostei do tema tampouco do que li na resenha. Achei Anna uma personagem bem futil e acho que só lendo para entender o motivo do livro ter fugido de ser um clichê.

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar :)!!! Sua opinião é muito importante para mim. Tem um blog? Deixe seu link que visitarei sempre que possível.
*comentários ofensivos serão apagados

Topo