Resenha: livro Para Sir Phillip, com amor, Julia Quinn

 Olá pessoal, tudo bem? O livro da resenha de hoje é "Para Sir Phillip, com amor", escrito pela Julia Quinn e publicado no Brasil em 2015, pela Editora Arqueiro.

Resenha, livro, Para Sir Phillip, com amor, Julia Quinn, Arqueiro, romance de época, trechos

 O livro é narrado em terceira pessoa e conta a história de Eloise Bridgerton, a quinta dos oito irmãos Bridgertons. Ela tinha 28 anos e com essa idade, era considerada uma solteirona, mas não se importava, pois ela não era a única. Sua melhor amiga, Penélope, tinha quase a mesma idade que ela e também era solteira. Até que Penelope se casou! E com um irmão de Eloise! Ela ficou muito contente pela amiga e pelo irmão, mas começou a pensar que ter um companheiro poderia ser algo bom. Ela não queria mais ser sozinha, queria experimentar a felicidade que seus irmãos mais velhos também tinham.

 O hobby preferido de Eloise era escrever, principalmente cartas. Havia mais ou menos um ano que ela vinha trocando cartas com Sir Phillip, um viúvo que foi casado com uma prima de quarto grau de Eloise. Na época do falecimento da prima, Eloise mandou uma carta de condolências para Sir Phillip, e eles continuaram se comunicando, até que Sir Phillip lhe fez uma proposta: convidou-a para ir até sua propriedade para que se conhecessem, e, caso achassem conveniente, se casassem.

 E aquela inquietação, aquela vontade de mudar de vida, que Eloise sentia foi se tornando mais forte a cada dia, o que a fez decidir sair de casa escondida e ir para a propriedade de Sir Phillip.

 "Mas agora Penelope tinha Colin, e Eloise podia  ver que encontrar seu companheiro era algo maravilhoso. E ela estava sozinha. Sozinha em meio a uma Londres cheia de gente, em meio a uma família grande e amorosa.
 Era difícil imaginar um lugar mais solitário.
 De repente, a proposta ousada de Sir Phillip – escondida no final de sua pilha de cartas amarradas, no fundo da gaveta do meio, e trancada em um cofre recém-adquirido, para que Eloise não ficasse tentada a ler a carta um monte de vezes por dia – parecia, bem, um pouco mais intrigante." 

 O que ela não sabia até então era que Sir Phillip tinha dois filhos: um casal de gêmeos de 8 anos que eram dois pestinhas, que faziam muita bagunça em casa e apavoravam os empregados. Phillip não havia sido feliz no primeiro casamento, sua falecida  esposa vivia triste e morreu de forma trágica. Phillip queria se casar novamente para dar uma mãe para seus filhos, para que alguém desse um jeito neles, já que ele não se considerava um bom pai. A única qualidade que Phillip buscava em uma esposa, era que ela fosse alegre, diferente se sua primeira mulher.

 O choque foi grande quando ele bateu os olhos em Eloise, ela não se parecia com uma solteirona desesperada o suficiente para se casar com ele e assumir seus filhos. Ele precisava dela muito mais do que ela precisava dele. E ele precisaria encontrar um jeito de convencê-la a aceitar se casar com ele. O que não seria nada fácil, levando em conta os filhos que ele tinha e o fato de Eloise ter fugido de casa (o que garantiu uma participação bem divertida e barulhenta de todos os 4 irmãos da Eloise).

 "E se havia uma coisa marcante a respeito de Eloise era que, quando ela tomava uma decisão, agia com rapidez. Não, ponderou ela com uma demonstração impressionante (em sua opinião, pelo menos) de honestidade; havia duas coisa marcantes em suas ações - ela gostava de agir com rapidez e era persistente. Penelope uma vez dissera que ela parecia um cachorro agarrado a um osso.
E Penelope não estava brincando." (página 26)

 No restante da história acompanhamos a trajetória de Phillip para se tornar um pai melhor, sua busca por entender o que motivou Eloise a ir encontrá-lo e, claro, o surgimento do amor entre eles. O caminho dos dois para uma felicidade que eles não imaginavam que poderiam alcançar.

 Eu gostei muito do livro! Eloise é a mais falante e extrovertida dos Bridgertons, inteligente, determinada e corajosa. Phillip é diferente dos homens refinados de Londres, queria ser um pai melhor do que o seu pai foi; excetuando-se a época em que esteve na escola, toda a sua vida foi sem alegria, mas isso não o tornou amargo, pelo contrário, ele passou a valorizar as pequenas coisas boas da vida.

 Sobre a parte visual do livro: eu acho a capa muito bonita. A diagramação segue o bom padrão da Arqueiro: margens, espaçamento e letras de bom tamanho. As folhas são amareladas. E se há algum erro de revisão, eu não encontrei.

 Julia Quinn construiu uma história linda, com muito amor, além de sua narrativa bem humorada, uma característica presente em suas obras. A leitura fluiu super bem. Para Sir. Phillip, com amor é o 5° livro da série de romances de época Os Bridgertons (com 6 livros já lançados no Brasil, cada um conta a história de 1 dos 8 irmãos e podem ser lidos tranquilamente fora de ordem). "O Visconde que me amava", o segundo da série, continua sendo o meu favorito, mas Para Sir. Phillip, com amor vem logo após ele em minha ordem de preferência.

 Recomendo Para Sir. Phillip, com amor até mesmo para quem não tem o hábito de ler romances de época, porque os personagens foram tão bem construídos que se tornaram praticamente atemporais. Recomendo também para quem procura um romance divertido e gostoso de se ler.

 Detalhes: 288 páginas, ISBN-13: 9788580413625, Skoob. Onde comprar online: SubmarinoAmericanas.

 Confira as resenhas dos outros livros da série (clique nos títulos):
"O Duque e Eu"
"O visconde que me amava"
"Um perfeito cavalheiro"
"Os segredos de Colin Bridgerton"

 Por hoje é só, espero que vocês tenham gostado da resenha. Qual dos Bridgertons é o seu preferido?

Participe dos sorteios do blog:


Até o próximo post!

Me acompanhem nas redes sociais:
 twitterfacebook | G+SkoobGoodreadsBloglovin (receba os posts do blog no seu e-mail)| Instagram.
21 comentários via Blogger
comentários via Facebook

21 comentários

  1. Oi.
    Já ouvi falar muito dos livros da Júlia Quinn com seus romances de época.
    Pretendo ler orgulho e preconceito e mais outros de Jane Austen, pra depois ler algum livro da Júlia.
    beijos
    relicariodepapel.wordpress.com

    ResponderExcluir
  2. Olá,
    Quem não ouvi falar da Julia Quinn este ano, acho que 2015 foi o ano da autora aqui no Brasil rsrs, eu confesso não ter lido nada dela ainda, romances históricos não é meu forte de leitura, mas assim como você todos que já leram o livro vejo que gostaram e gostam da escrita da autora, quem sabe não me rendo a leitura.

    Bjs
    http://nosleitoras.com/

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Os livros da Julia são maravilhosos já li todos, amo romances de épocas e estou terminando de ler esse. A personagem é um amor, e eu praticamente amo ela. Amei sua resenha/!

    http://garotinhaadolescentea.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oiiii, tudo bem?
    Eu tenho um sentimento enorme pela Julia, além de nunca ter lido nenhum livro dela, suas obras são maravilhosas pelo jeito, e espero muito ter a oportunidade de ler e admirar hahah <3
    Beijos
    segredosliterarios-oficial.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Oieee
    Ia dizer que não gosto muito de livros assim e tal mas... ganhei "O Duque e Eu" de natal e agora vou ler e algo me diz que vou acabar gostando kkk. O livro em si é lindo e isso já conta pontinhos.

    Coração Leitor

    ResponderExcluir
  6. Oie!
    Eu tenho um problema sabe não gosto de romances principalmente os de época, e esses que são séries, com cada livro com um membro da família eu passo correndo.
    Sei que a Júlia Quin è maravilhosa e que muitos se apaixonam por tudo qte ela escreve. Mas infelizmente esse gênero não me atrai.
    Um abraço
    Camila Bernardini Coelho

    ResponderExcluir
  7. Oi. Li sua resenha até o final, vi sua recomendação, mas tentei ler os livros da Júlia e realmente não curti. eu gosto de livros de época, e alguns escritos na atualidade, mas eu prefiro os livros escritos na época... No entanto, não acho que a escrita da Júlia seja ruim, muito pelo contrário, só realmente não curti.

    ResponderExcluir
  8. Vou tentar seguir sua recomendação, pois queria gostar mais de romances de época, porém não consigo, pois sempre acho os personagens fracos rs Amei a resenha!

    ResponderExcluir
  9. Oi, tudo bem?
    Vergonha eu ainda não ter lido nada da Julia, tenho o primeiro livro e preciso ler loo, todo mundo fala tão bem da série!
    Bjs

    http://a-libri.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oiee,
    essa é a minha série preferida do ano, hauhauha
    Sou apaixonada pelos Bridgertons tanto que sou até
    suspeita pra falar, tô aguardando ansiosa o próximo
    livro que sai em janeiro
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Oi, tudo bem? Família Bridgerton, amo demais. Júlia Quinn é diva e essa série é tão boa.
    Eu gostei desse livro, atualmente estou no sexto (da Francesca) é curtindo, mas depois do livro do Colin (que pra mim foi o melhor) fica difícil favoritar qualquer outro posteriormente.
    Enfim, super índico essa série e já está quase acabando. Vou sentir saudades.

    Beijos
    Leitora Sempre

    ResponderExcluir
  12. Oie, tudo bem? Quase todo blog que eu entro tem alguma resenha da Júlia. Pessoal é doido por ela. Imagino que a série seja ótima, mas não é o meu estilo de leitura. Parabéns pela resenha.
    Beijos
    Academia Literária DF

    ResponderExcluir
  13. bom, esse gênero de livro não é muito minha praia... talvez eu lesse se não tivesse tanta leitura pendente, até mesmo pra conhecer o trabalho da autora... mas por enquanto, deixo passar a dica de leitura...
    bjs

    ResponderExcluir
  14. Julia Quinn é mais que elogiada com seus romances de época, esse é um estilo de livro que não me agrada, não me chama atenção...
    Apesar disso, gostaria de conhecer a escrita dela algum dia, só não sei quando..
    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. Mari, eu nunca li nada da Julia Quinn, e inclusive passei um tempo dizendo que nunca o faria. Mas hoje a minha visão já é bem diferente, e pretendo ler os livros em breve! :)

    ResponderExcluir
  16. Sou apaixonada pelos romances de época e inclusisve me apaixonei por O Duque e Eu, mas ainda não sei quando poderei ler os outros livros da série, até porque não sei quando os adquirirei. Sou muito curiosa pelo desenrolar dos personagens, espero conseguir ler em breve!

    ResponderExcluir
  17. Sua resenhanme deixou muito intusiasmado para ler esse série, parece ser muito boa e sua resenha só me deixou mais curioso ainda!!

    Abraços e até!

    lendoferozmente.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  18. Oii, tudo bem?
    Eu não leio muito romance de época mas vou começar a ler, e estou querendo muito começar essa série, pois ouço muitos comentários bons sobre esta série.

    Beijos
    Brilliant Diamond

    ResponderExcluir
  19. Eu já disse isso, mas acredita que eu ainda não li Julia Quinn?
    Porém essa protagonista é do tipo que me agrada, odeio aquelas mocinhas que não fazem nada. Contudo espero ter em breve esse livro. Obrigada pela resenha,
    Angel Sakura
    www.euinsisto.com.br

    ResponderExcluir
  20. Oi! Não sou muito fã de romances de época, mas estou curiosa pelos livros da Julia. Tenho visto muitos comentários positivos e isso me deixou interessada. Espero poder ler em breve. Parabéns pela resenha. Beijos!

    http://eicarolleia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Olá,

    Parabéns, muito boa a resenha!
    Com certeza a Julie Quinn conseguiu me conquistar, já estou no 7º livro da série. Adoro romances de época, e depois da clássica Jane Austen, essa nova autora ganhou espaço na minha estante. Farei resenha dos outros livros dela no meu blog.

    http://booksimpressions.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar :)!!! Sua opinião é muito importante para mim. Tem um blog? Deixe seu link que visitarei sempre que possível.
*comentários ofensivos serão apagados

Topo