sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Entrevista com Lucas de Sousa, o autor de "O encantador de livros"

 Olá pessoal, tudo bem com vocês? Quem aí viu a resenha de "O encantador de livros", que postei na semana passada? Se ainda não viu, clique aqui para conferir! "O encantador de livros", lançado pela Ler Editorial, é um livro tão lindinho, tão criativo, que tive que entrar em contato com o autor para conhecer melhor como o livro surgiu. O Lucas foi super atencioso e topou dar uma entrevista para o blog. Confiram:

Entrevista com o autor de "O encantador de livros", Lucas de Sousa


1. Nos fale um pouco sobre você.

Lucas: Moro no Rio de Janeiro, sou coordenador pedagógico de um projeto social que fica na Cidade de Deus, o qual se chama ECO REDE. Trabalhamos educação socioambiental baseados na metodologia de Paulo Freire. E também sou estudante de Psicologia, apaixonado pela literatura infanto-juvenil, e pela contação de histórias, desde a minha infância. 


2. Como surgiu a ideia para "O encantador de livros"?

Lucas: Comecei a escrever desde os meus catorze anos de idade. Era mais uma brincadeira para mim e o que mais me inspirava eram os livros de fantasia os quais eu lia sem parar. Sempre levei um ano para escrever um livro e por isso criava capas (brasileiras e internacionais, rs), marcador de páginas personalizado, mas nunca postei em nenhuma rede social. Com meus 21 anos, minha mãe sonhou que eu ganhava um prêmio em literatura, e esse era num formado de livro, e dourado. Fiquei admirado e pensando ser algo profético. Porém, para chegar a ganhar um prêmio desses, precisava escrever livros memoráveis. Então, desde o sonho, sabia que eu tinha que escrever uma história que incentivasse a leitura para as crianças e isso significa uma tarefa muito especial para mim.


3. Como foi o processo de escrita, demorou muito para colocar toda a ideia no papel?

Lucas: Esse livro foi o meu último escrito. Ele foi um episódio bastante atípico, se comparado aos outros. Sempre levei um ano para terminar uma história, e ele durou dois. Foi o meu menor, mas o único que eu tinha a plena certeza de que iria ser publicado primeiro. Escrevia pela tarde e pela noite, e sempre tirava dias para fazer minhas anotações.


4. Você encontrou dificuldades para a publicação da obra?

Lucas: Assim que terminei o livro, dei início a minha vida fora da escola. Por isso, me apareceu oportunidades para trabalhar, estudar e o sonho de publicar e me tornar um escritor foi ficando para trás... e até hoje não entendo o porquê de deixar esse desejo para trás. Sempre contei para os amigos sobre meus livros, para os meus familiares, mas chegou um momento em que a cobrança deles ficou mais intensa e o desejo recomeçando a arder no coração. Foi como esfregar uma lâmpada empoeirada. Então, lembro que voltando da Universidade, sentei de frente para o computador, determinado, e mandei para duas editoras. Ambas me enviaram, semanas depois, seus pareceres positivos. Contei para uma querida amiga e escritora também, a Tammy Luciano, o que estava acontecendo. Então, ela me recomendou a Ler Editorial da Cátia Mourão e foi amor a primeira vista. O trabalho da Ler é fantástico e a Cátia tem um carinho enorme pelos livros. Mandei meu original para ela, e depois de três semanas, mais um parecer positivo. Fiquei tão feliz que nem mesmo parecia verdade. Acabei fechando com a Ler Editorial com muita satisfação.

"O encantador de livros", Lucas de Sousa, Ler Editorial

5. E essa capa linda? Você participou do processo de criação da capa? (Minha sobrinha, que tem 6 anos, achou a capa tão bonita que até quis tentar desenhá-la num caderno dela!)

Lucas: Quando a Cátia me mandou, quase caí da cadeira! A única mudança foi na fonte da letra, só isso. Mas, não pense que foi uma tarefa tão fácil. Chamei todos da minha família para participarem da escolha. Alguns amigos contribuíram também e a fonte que conhecemos hoje foi a mais escolhida. Disse que queria o dedinho de todos aqueles que amo no livro, e tem! Recebo retornos maravilhosos da capa e do título do livro. Fico muito feliz.


6. O autor Monteiro Lobato é citado na história, ele é uma inspiração para você? Quais autores te inspiraram ou escreveram livros que você gosta e que recomenda para todo mundo?

Lucas: Eu sou suspeito para falar. Sou apaixonado pelo Monteiro Lobato, pelo Ziraldo, Ruth Rocha, Roald Dahl, J.K. Rowling, Katherine Peterson. Sempre fui rodeado por seus livros, apaixonado pelas ilustrações. Quando tinha a oportunidade, minha mãe me levava para ouvir contações de histórias dos livros do Lobato, do Ziraldo. Eram muito mágicos para mim, e ainda são. Citá-lo foi algo muito especial. A Cidade dos Livros seria um lugar muito inspirador para ele, assim acredito.


7. Como foi a escolha dos nomes dos personagens? Clarice seria uma homenagem à Clarice Lispector?

Lucas: Os nomes são sempre um grande desafio para mim. Acredito que podem falar muito sobre o personagem. Quando soube quais seriam, me senti um tanto desafiado por conta da quantidade de personagens que deveria colocar em ‘cena’. Entretanto, me diverti bastante com todos eles e cada um é especial para mim. Quanto a Clarice... você foi a primeira que notou essa homenagem. Clarice Lispector foi e é uma grande formadora para mim. Depois da leitura dos seus livros, nunca fui o mesmo escritor. Não podia deixa-la de fora, jamais.


8. Já tem algum novo projeto literário em andamento?

Lucas: Muitos! Antes do Encantador de Livros, há oito escritos e registrados. Dois já estão na fila, pois os primeiros considero como que um exercício, tentativas. Tenho um caderno de ideias, onde coloco título, sinopse e anotações importantes sobre os personagens... ele já está até mesmo terminando. Há muitas ideias para próximos lançamentos.


9. Se quiser, pode deixar um recado para os leitores do blog.

Lucas: Ainda que o mundo pareça um tanto de cabeça para baixo, e muitos fatos o deixa entristecido, não esqueça que a leitura edifica o ser humano e pode lhe trazer o sopro de esperança que lhe falta. A resposta para muitas perguntas pode ser respondida por esses amigos tão gratificantes que não nos exige grandes coisas, só um cantinho gostoso e seu manuseio cuidadoso e amigo. Continuem lendo para si, leiam para os outros, troquem livros, contem histórias, escreva e verão o tanto de mágica que a literatura pode nos proporcionar. Gostaria de deixar registrado e revelar que essa mensagem nem foi minha, mas sim do Encantador de Livros para todos vocês. Forte abraço!
Fim!
 Lucas, agradeço imensamente por bater esse papo com o blog. Gostei de saber que o nome da personagem Clarice foi mesmo inspirado na escritora. Desejo todo o sucesso para você e seus livros! Novamente, obrigada!

 Leitores do blog: me contem se gostaram da entrevista? Quem quiser saber mais sobre o livro, é só acessar a resenha, ou a fan page da obra ou o site da editora.

Até o próximo post!

Me acompanhem nas redes sociais:
 twitterfacebook | G+SkoobInstagramYouTube| Snapchat: marijleite_pdl

12 comentários:

  1. Oii!
    Adoro entrevista com autores! Adoro ver de onde a ideia surge, sabe? É tão incrível. Aliás, achei em legal o livro dele, com uma capa lindíssima!

    Beijos,
    Natália.

    www.doprefacioaoepilogo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá,

    Acompanho a Ler Editorial desde o início e sei quão competente a Catia é, fico feliz em saber que o autor está contente com a editora, pois vejo muitas pessoas falando bem de sua obra, pena que até hoje não tive uma oportunidade para fazer a leitura. Adorei sua entrevista, é sempre bom conhecer melhor os autores! ♥

    → desencaixados.com

    ResponderExcluir
  3. Olá,

    Ainda não li o livro, porém já ouvi muitos comentários bons sobre a obra e estou bem interessada em fazer esta leitura. Desconhecia o autor, mas é sempre bom dar um rosto ao dono dessa história que promete ser um sucesso. Adoro conhecer novos autores, principalmente se forem nacionais. Desejo muito sucesso ao autor e espero ler muito em breve esse livro.

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi, Mari
    Ahh, adorei esse livro e adorei conhecer mais do Lucas. Que história bacana a ada publicação. Nunca é fácil, mas com uma ótima obra dessas o resultado só poderia ser a publicação. A Ler Editorial ganhou um ótimo autor. Ainda quero ver ele publicando muitos livros.

    ResponderExcluir
  5. Olá,
    Que legal conhecer um pouco mais sobre o autor e suas obras.
    Uma pena que ele foi meio vago em relação aos seus outros livros, porque fiquei mega curiosa para saber um pouco mais deles.
    E caramba, três pareceres positivos! Meus parabéns!

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir
  6. Olá! Que delícia de entrevista. O livro de Lucas parece ser encantador e inspirador. Obrigada por me apresentar um pouco mais sobre o autor! E sucesso a ele e ao blog! Abraços!

    ResponderExcluir
  7. Curiosamente acabei de ler uma resenha desse livro.
    Ainda não conhecia a história e fiquei encantada.
    E de repente dou sorte e me deparo com essa entrevista com o autor!! Rs...
    Adorei saber mais sobre o Lucas e quero muito ler o livro!
    Beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  8. Olá, tudo bem? Nossa mais um conterrâneo meu? Adorei a entrevista e e pelo jeito ele parece bem simpático. Conheci o livro dele e fiquei encantada pela proposta que ele trouxe. Adorei!
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Me encantei pela proposta desse livro, e essa capa me deixou ainda mais ansiosa pra conhecê-lo, e saber que Monteiro Lobato é citado me deixa muito feliz, amo o autor.
    Adorei conhecer um pouquinhos do Lucas e de como foi o surgimento do livro até sua chegada na LER.
    Ótima entrevista.

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Que entrevista bacana!

    Esse livro está na minha lista de leitura e acabei de ler uma resenha sobre ele. A vontade de lê-lo já era alta, agora ficou ainda mais. Amei saber mais sobre o autor!

    Beijo,

    Leitoras Inquietas

    ResponderExcluir
  11. OI,
    Eu não conhecia o autor e nem o livro, mas fico feliz quando vejo o blog dando oportunidade para autor nacional.
    Gostei bastante das perguntas e respostas, vou anotar o livro para ler depois.
    Beijos
    daya

    ResponderExcluir
  12. Olá, parabpen pela entrevista, foi legal conhecer mais do autor!

    Bjs

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar :)!!! Sua opinião é muito importante para mim.
Leio todos os comentários, mesmo que nos posts mais antigos. Responderei seu comentário aqui nesse mesmo post. Tem um blog? Deixe seu link que visitarei sempre que possível.
*comentários ofensivos serão apagados