Resenha: livro "Amor de todas as formas", Tatiana Amaral, M. S. Fayes, Raiza Varella, JC Ponzi, Mila Wander

 Olá pessoal, tudo bem? Na resenha de hoje venho comentar sobre minha experiência de leitura com o livro "Amor de todas as formas", que reúne contos das autoras Tatiana Amaral, M. S. Fayes, Raiza Varella, JC Ponzi e Mila Wander, e foi publicado em 2017 pela Editora Pandorga. Falarei um pouco sobre cada conto para vocês.

Resenha: livro "Amor de todas as formas", Tatiana Amaral, M. S. Fayes, Raiza Varella, JC Ponzi, Mila Wander
 Resenha: livro "Amor de todas as formas", Tatiana Amaral, M. S. Fayes, Raiza Varella, JC Ponzi, Mila Wander
 
 Tatiana Amaral escreve "Um dia para os namorados", protagonizado por Melissa Carter, uma mulher que, próximo ao dia dos namorados, desconfia que o marido está sendo infiel. Sem avisá-la, ele cancela todos os compromissos no trabalho e viaja sem dizer para onde. Será que ele estaria mesmo tendo um caso? O que Robert Carter estaria escondendo?

Resenha: livro "Amor de todas as formas", Tatiana Amaral, M. S. Fayes, Raiza Varella, JC Ponzi, Mila Wander


 "- Você sempre acha o pior de mim.
 - Como poderia ser diferente?" (página 44)

 O conto tem cerca de 90 páginas, foi meu primeiro contato com a escrita da autora e eu gostei. Desde o início eu já desconfiava do que estava por trás dessa viagem do marido da Melissa, mas a forma como a autora conduziu a história me fez ficar curiosa pelo que aconteceria no parágrafo seguinte. Acredito que muitos relacionamentos possam passar por problemas parecidos com o que se abateu sobre os protagonistas, quando há a falta de diálogo entre o casal e o peso das tarefas rotineiras aliadas às cobranças da sociedade.

 Depois da leitura, fui descobrir que a Melissa e o Robert são os protagonistas de uma trilogia já publicada pela Tatiana Amaral, a "Função CEO", que eu ainda não li, mas que se tivesse lido, poderia compreender melhor o perfil dos personagens. Por exemplo: em muitos momentos, foi falado sobre a idade dos protagonistas, dando a entender que eles não são mais tão jovens, mas como não li a trilogia, fiquei sem saber quantos anos eles tinham.

Resenha: livro "Amor de todas as formas", Tatiana Amaral, M. S. Fayes, Raiza Varella, JC Ponzi, Mila Wander
 Com pouco mais de cinquenta páginas, o segundo conto é "Pas de Deux", escrito pela M. S. Fayes. A protagonista é Samantha, uma jovem bailarina que tem um professor carrasco (como eu odiei esse professor!). Ele é terrível e a obriga a treinar sem respeitar seus limites, mas como é sonho dela, Samantha não desiste. Aí, certo dia, ela descobre que terá que ensaiar com um outro bailarino, Adam. A Samantha tinha uma quedinha pelo Adam quando eles estavam no colégio, mas ele era meio esnobe e não dava ideia para ela. Quando começaram a ensaiar, parecia que ele continuava igual,  mas a Samantha descobriria que o Adam tinha mais facetas do que apresentava.

 "Olhei para meus pés e vi a mancha de sangue que conseguiu atravessar a barreira das bandagens e do tecido da sapatilha." (página 118)

 A escrita da M. S. Fayes continua tão fluida e divertida quanto em Rainbow (outro livro dela que é um dos prêmios do Top Comentarista de Setembro, clique aqui para saber mais). Dá para ler as páginas num piscar de olhos. Os personagens desse conto me lembraram um pouco os de Rainbow no jeito de ser, de se vestir, e no hábito de falar palavrões constantemente.

 O Adam me pareceu meio possessivo, me lembrou até o Christian Grey de 50 Tons de Cinza, pois há um momento em que ele diz que a Samantha só vai se apresentar com ele. Pro Adam, que já era um bailarino famoso e rico, estaria tudo bem, mas isso impediria a Samantha de poder crescer por si própria, trilhar caminhos quem sabe até mais grandiosos que o Adam. Muito feio isso, senhor Adam, não é assim que se faz!

Resenha: livro "Amor de todas as formas", Tatiana Amaral, M. S. Fayes, Raiza Varella, JC Ponzi, Mila Wander
 O terceiro conto é "O garoto que desapareceu", com menos de cem páginas, escrito pela Raiza Varella. Perto do dia dos namorados, a protagonista Vivian, também conhecida como Barbie, encontrou uma caixa com um par de sapatinhos de cristal, que não eram do número dela, no guarda-roupas do marido Bernardo. Ela foi correndo pedir a ajuda das amigas, pois acreditava que estava sendo traída. De quem seriam aqueles sapatinhos? Qual o segredo que Bernardo escondia?

 "Como eu disse, eu odeio homens, quando não fazem merda não fazem nada." (página 169)

 Num primeiro momento, eu até achei que a história seria parecida com a do primeiro conto, mas é bem diferente. Ao longo da leitura, fiquei quebrando a cabeça para tentar desvendar o mistério por trás do par de sapatos. A história vai e volta no tempo, para que possamos conhecer as diversas fases do relacionamento da Vivian e do Bernardo.

 "- Seu irmão vai me matar, Barbie - sussurra em um gemido dentro da minha boca.
 - Se você não me beijar de volta, quem mata sou eu." (página 173)

 Os dois são personagens que aparecem na Trilogia Encantados, que conta os romances dos três amigos do Bernardo. Fiquei meio em dúvida se leio a trilogia ou não, pois pelo que pude ver no conto, os personagens (principalmente a Barbie) são meio afetados, dramáticos, ou como diria minha mãe: derretidos. Isso rende cenas e diálogos engraçados, mas acaba fazendo a trama pender mais para o lado do humor do que do romance que é proposto. Ainda assim, quando a parte romântica entra em cena, com o toque de conto de fadas que a autora toma como base para a história, é de arrancar suspiros!

 "Se esse não é o fundo do poço, eu, com certeza, errei o caminho." (página 172)

Resenha: livro "Amor de todas as formas", Tatiana Amaral, M. S. Fayes, Raiza Varella, JC Ponzi, Mila Wander
 A JC Ponzi escreveu "Amuleto", que tem cerca de 70 páginas. Jodie Clarke era um homem rico que ajudava a cuidar dos negócios escusos da família. Sua última tarefa era matar alguns caras que roubaram dinheiro da família, e foi o que ele fez, só que, além dos homens, havia uma prostituta presa pelos ladrões. Ao invés de matá-la, para não correr o risco de ela denunciá-lo, ele decidiu poupar a vida de Samantha (sim, temos mais uma Samantha no livro). Eles acabaram passando a noite juntos, e como o objetivo dela era ser dançarina, Jodie chamou-a para fazer um teste numa boate da família, mas ninguém poderia saber que eles já se conheciam. Será que o Jodie fez bem em deixar Samantha viva? Será que Samantha conseguiria o emprego?

 Eu já havia lido outro livro da JC Ponzi, o “Sem limites para o prazer”, do qual gostei muito (e recomendo!). No conto, a escrita dela continua tão boa quanto no livro. Porém, esse foi o conto que menos gostei dos cinco, pelo seguinte motivo: não vi amor em momento algum durante a trama, o conto destoa dos demais. Jodie e Samantha eram pessoas que, por causa das circunstâncias em que cresceram, não tiveram muito contato com sentimentos amorosos; diferente de outras histórias com personagens parecidos, o encontro dos dois não fez nascer neles um sentimento novo. Fiquei bem chocada com alguns comportamentos do Jodie. Sei que em outro livro da autora, é contada a história do irmão dele, mas depois do que vi no conto, acho que não vou querer ler.

Resenha: livro "Amor de todas as formas", Tatiana Amaral, M. S. Fayes, Raiza Varella, JC Ponzi, Mila Wander

 Aí, para fechar o livro, temos "Uma louca noite no supermercado" da Mila Wander. Com menos de 50 páginas, foi o meu favorito do livro todo, só por ele já valeu a pena realizar a leitura. A protagonista é Viviane, que, em pleno dia dos namorados, teve que ficar na empresa onde estagiava até mais tarde porque a chefe carrasca inventou uns relatórios para ela entregar no dia seguinte. Para conseguir passar a noite fazendo esses relatórios, só com a ajuda de muita cafeina, mas o café tinha simplesmente acabado! Então, a Viviane resolveu dar um pulinho no supermercado perto do trabalho e comprar mais pó de café. Só que estava chovendo horrores, e enquanto ela foi ao banheiro tentar se recompor minimamente depois de ter perdido o guarda-chuva, todo mundo sumiu do supermercado! Ela ficou trancada lá dentro, com o celular sem bateria e, para piorar, a energia elétrica acabou.

 "No instante em que um relâmpago clareou o supermercado, percebi um vulto passando no fim do corredor, seguindo na direção de outro. Eu podia ter gritado, acenado e feito a maior cena, mas senti tanto medo que simplesmente travei. Aquele vulto poderia ser um fantasma, afinal. Havia assistido uma quantidade suficiente de filmes de terror para ter certeza de que minha condição era um prato cheio para uma história com muito suspense e bastante sangue jorrando.
 Enquanto prometia a mim mesma que não seria a mocinha retardada que só fazia besteira e nunca conseguia fugir direito da assombração, caminhei vagarosamente até o fim do corredor em que eu estava." (páginas 338 e 339)

 Mas ela não foi a única a ficar trancada dentro do supermercado em plena noite chuvosa de dia dos namorados. Tinha um rapaz lá também, o nome dele era Nathan, com um porte físico meio intimidador. O que será que o rapaz estava fazendo no supermercado? Ele ajudaria Viviane a sair ou causaria problemas?

 "- Ai, minha nossa senhora... - arquejei em meio a uma onda súbita de pavor.
 Só me faltava estar trancada em um supermercado com um desconhecido que era o dobro de mim, Eu não sabia quem aquele sujeito era, por isso me desesperei. Talvez estar trancada sozinha fosse muito melhor. A verdade é que toda mulher tem medo de um homem desconhecido, pois nunca se sabe o que serão capazes de fazer. Era aquilo o que as feministas queriam dizer quando falavam que todo homem era um estuprador em potencial." (página 341)

 Quem nunca imaginou como seria passar uma noite fechado num mercado podendo comer tudo o que quisesse? Pois a Viviane e o Nathan aproveitariam bem essa noite muito louca! Eu gostei muito do conto (tanto que já reli) e dos personagens. Viviane e Nathan são engraçados, com seus defeitos e qualidades, eles tem sentimentos e não são inconsequentes, sabem que são dois desconhecidos mas que podem agir como adultos. Mesmo breve, o encontro de ambos causa uma mudança em suas vidas, faz com que reflitam se sua relação com o trabalho deveria seguir em frente ou não. Simplesmente amei e recomendo esse conto divertido, fofo e quente ao mesmo tempo!

 "Quer saber? Eu não estava nem aí! Se um cara podia ser verdadeiro quando o assunto era relacionamentos, por que a mulher precisava fingir que não possuía vontades e desejos? Nunca fui de me esconder. Eu era mais transparente que uma sacola plástica." (página 359)

Resenha: livro "Amor de todas as formas", Tatiana Amaral, M. S. Fayes, Raiza Varella, JC Ponzi, Mila Wander
Resenha, livro, contos, Amor-de-todas-as-formas, Tatiana-Amaral, M. S. Fayes, Raiza Varella, JC Ponzi, Mila Wander


 Detalhes: 384 páginas, ISBN-13: 9788584422098, Skoob. Onde comprar online: Submarino, Saraiva.

 Por hoje é só, espero que tenham gostado do post. Me contem: qual dos contos acharam mais interessante? Já conheciam ou leram algo de alguma das cinco autoras de "Amor de todas as formas"?

Até o próximo post.

Me acompanhe nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram, Youtube, Skoob
8 comentários via Blogger
comentários via Facebook

8 comentários

  1. Olá Mari
    Este livro - Amor de todas as formas já está na minha lista. Aliás espero ganhar de AS. Me interessei por ele porque sou fã da M. S. Fayles. Adoro o modo como ela escreve. Dessa mesma autora eu recomendo "
    Trilogia da lei". Se der, dá uma olhada nas resenhas dessa trilogia.
    Bjos.

    ResponderExcluir
  2. O que me chamou a atenção logo de imediato foi a capa.
    Achei que ela é muito fofinha. 😍
    Adoro capas... Confesso!

    E quanto aos contos,fiquei muito curiosa em conhecê-los.
    Primeiro porque adoro contos e segundo por ter a oportunidade de conhecer a escrita de vários autores no mesmo livro.
    Infelizmente ainda não conheço nenhum livro dos autores,e esse livro seria ideal para que isso acontecesse.

    Bjs.

    ResponderExcluir
  3. Ola!!
    Que capa linda desse livro, Gostei muito da resenha, não curto muito livro de contos, mas depois da resenha fiquei muito curiosa em ler, principalmente o conto da da Mila Wander que parece ser bem divertido, a única autora que nunca li livro é Raiza Varella, vai ser a oportunidade de conhecer o jeito dela escrever!!

    ResponderExcluir
  4. Olá tudo bem?
    Confesso que eu não sou de ler muitos contos não, mas ao ler as resenhas dos contos, fiquei apaixonada por esse livro! Sério, o amor é contato nestes contos de formas diferentes, com pessoas diferentes e a mensagem que o livro trás é linda!
    Todos merecem o amor!
    E o que falar da capa, né? Simplesmente linda!
    Adorei, beijos.

    ResponderExcluir
  5. Aquele livro que nos encanta com sua linda capa e diagramação ♥
    Já faz algum tempo que não leio contos, mas este por se tratar de romances,chamou minha atenção. Amaria conferi as obras. Linda indicação!

    ResponderExcluir
  6. Oi, Mari!!
    Amei esse livro as estória são maravilhosas!! Mas confesso que gostei muito do conto da Raiza Varella, O garoto que desapareceu e Uma louca noite no supermercado da Mila Wander!! Super indico esse livros recheado de contos lindos!!
    Bjoss

    ResponderExcluir
  7. Mari!
    Gosto demais de contos e poder ler vários contos de diferentes autores que versam sobre o amor, deve ser um livro delicioso de ser apreciado.
    Alguns autores conheço, outros não e seria uma boa oportunidade.
    “O primeiro passo para a cura é saber qual é a doença.” (Provérbio Latino)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE SETEMBRO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    ResponderExcluir
  8. Encontrar Tati, M.S e Raíza é um sonho para um leitor de romance. Adoro essas três e, com o livro, ainda tenho a oportunidade de conhecer a Mila, uma ótima surpresa. Os dois contos que mais me chamaram atenção foram: Um dia para os namorados e Uma Noite Louca no Supermercado, creio que ambos estão relacionados com o acaso e isso me anima bastante num romance. Além do mais, essa capa é sensacional e orna muito com a proposta do livro, gostei bastante. Obrigada pela dica.

    Ps: kkkkkk adorei o quote da página 169.

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar :)!!! Sua opinião é muito importante para mim. Tem um blog? Deixe seu link que visitarei sempre que possível.
*comentários ofensivos serão apagados

Topo