"O que há de errado com a humanidade?" (projeto Escrevendo Sem Medo - #ESM julho)


Difícil achar uma imagem para ilustras o post, mas gostei dessa (fonte).
 Olá, tudo bem com vocês? Quem acompanha o blog sabe que estou participando do projeto Escrevendo Sem Medo da Thamiris Dondossola, onde a cada mês devemos escrever um texto sobre um tema determinado. Agora a pouco fui conferir o tema de julho que nos desafia a responder a seguinte pergunta: "O que há de errado com a humanidade? ". Pergunta meio difícil de responder, né?! Afinal, não é o que está errado no mundo, mas na humanidade. E tem tanta coisa que não está certa, que a gente vê diariamente, semanalmente, anualmente, que não está dando certo... É tanta morte, fome, miséria, violências de todos os tipos, maldade... E tudo causado pela mão humana! O problema e a solução devem estar também nos humanos, afinal, o planeta é bem grande para caber todo mundo.

 Acho que uma capacidade que nós, seres humanos, temos, e que nem sempre usamos, é a consciência, pensar sobre as consequências que surgirão por causa das nossas ações. Temos também a empatia, o ato de se imaginar no lugar do outro e de como esse outro se sentiria em determinada situação. Se somos todos humanos, podia acontecer com a gente também, né?! E aí temos o respeito, a consideração pelo outro. E aí vem a ideia do amor ao próximo como um caminho a se seguir.

 E é a ausência da consciência, da empatia, do respeito e do amor ao próximo que está prejudicando a humanidade como um todo. A ausência do olhar em torno, do olhar para dentro e de olhar para os lados, ausência que nos isola, que nos impede de alcançar a plenitude...

 Que a humanidade possa exercitar mais sua racionalidade, característica que é tão falada na escola como o que nos diferencia dos demais animais e nos torna humanos, para que assim perceba que, como milhares de anos e toda a História que já acumulamos nos mostra, o caminho da união é o melhor.

 Quando as coisas boas aumentam, as ruins diminuem.

 Com todos dendo um pouquinho do seu melhor, ficará mais fácil acertar o que está errado com a gente, com a humanidade.

 O assunto renderia bastante, mas para não me alongar, vou encerrando por aqui. O que está errado a gente conhece e vê todo dia, que tal começarmos a consertar o que for possível?

Até o próximo post!

 Leia também:
Considerações sobre um fim de semana ensolarado (texto de junho)


Participe do TOP COMENTARISTA de Julho, clique aqui para saber como participar e concorrer aos livros "O Casal que mora ao lado" e "Paris para um e outros contos".




Me acompanhe nas redes sociais:
8 comentários via Blogger
comentários via Facebook

8 comentários

  1. Oi Mari. É uma pergunta complexa. Acho que nunca fomos certos. Não temos esse egoísmo arraigado tão forte que nos proíbe de imaginar o outro. Adorei a reflexão. Realmente nos falta empatia e respeito com próximo.

    ResponderExcluir
  2. Olá !!
    Que pergunta difícil, hein ?!
    Nem sei como responder, nos falta mais amor com o próximo, paz e Deus.
    Adorei a reflexão !
    Bjo

    ResponderExcluir
  3. Oi, Maria!!
    Adorei o texto, e realmente estamos esquecendo de olhar para as outras pessoas deixando de sentir empatia pelo próximo. Estamos ficando insensíveis com o sofrimento das pessoas.
    Beijoss

    ResponderExcluir
  4. Curti demais suas palavras... são questões que estamos vivendo mesmo!
    É bem complicado responder essa pergunta. Falar sobre o erro do próximo.
    Mas acredito que falta mais amor, respeito e paz no nosso mundinho.
    Uma bela reflexão para todos!
    Beijos
    Caroline Garcia

    ResponderExcluir
  5. Olá, parabéns pelo belo texto, essa questão é permeada por muitos debates e raramente se acha uma resposta. É necessário que tratemos os outros como queremos ser tratados, a promoção do amor é essencial para a construção de um mundo melhor. Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Mari!
    Acredito que seu raciocínio foi perfeito.
    Infelizmente tudo anda tão dnÂmico na vida que as pessoas não olham mais para o lado, nem percebem que tem outras pessoas ao redor, não respeitam ninguém e amar, nem se fala. Amam apenas a si mesmas, tem se tornado pessoas cada vez mais egoístas e pensam apenas em benefício próprio. Bem triste!
    Ainda sou do tempo em que vamos pela rua cumprimentando as pessoas, mesmo que não as conheçamos; que gosta de conversar olho no olho, que tenta ajudar como pode quem precisa...
    Uma pena ver que a humanidade tem perdido o respeito e o amor pelo próximo...
    Bom final de semana!
    “Ciência é conhecimento organizado. Sabedoria é vida organizada.” (Immanuel Kant)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JULHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Adorei o post! Realmente a situação está muito difícil em todas as partes. Cada vez mais, há menos amor no mundo e isso é muito triste.
    Amor é a resposta pra tudo, mas infelizmente isso está ficando cada vez mais complicado.
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Olá Maria ;)
    Adorei o post, e gostei demais do que você escreveu!
    Realmente há muita coisa errada com a humanidade, basta ligar a tv no jornal que é tanta coisa desumana que a gente vê, que não dá nem vontade de assistir nenhum programa.
    Realmente o que está faltando nas pessoas é essa empatia e respeito pelo próximo, algo que gera graves consequências para a sociedade.
    Parabéns pelo post, vou lá compartilhar porque amei *-*
    Bjos

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar :)!!! Sua opinião é muito importante para mim. Tem um blog? Deixe seu link que visitarei sempre que possível.
*comentários ofensivos serão apagados

Topo